Senador Aécio Neves: o PT ainda faz oposição aos municípios

Senador Aécio Neves: o desinteresse do PT em discutir o pacto federativo é o hipercentro da falência das prefeituras municipais


Senador Aécio Neves: oposição.

Ao final do 2º turno das eleições, o senador Aécio Neves se despe do papel de líder da oposição e já coloca à mesa uma dura realidade com a qual os novos prefeitos terão de vivenciar a partir de 2013: a concentração absurda de recursos nas mãos do governo central, o que deixa as prefeituras municipais com caixas vazios e responsabilidades gigantescas. Uma conta que não fecha.

Em sua coluna desta segunda-feira (29/10) no jornal Folha S. Paulo, Aécio traz um dado temerário para o futuro da federação brasileira: 83% dos cerca de 5.000 municípios brasileiros não conseguem se sustentar financeiramente.

CLIQUE AQUI E LEIA A COLUNA DO LÍDER DA OPOSIÇÃO, AÉCIO NEVES, NA FOLHA S. PAULO

A eminente enxurrada de falência administrativa das prefeituras municipais poderia ser evitada se o governo federal se colocasse frente ao problema da arrecadação e distribuição de impostos de forma republicana e responsável.

Desde o ex-presidente Itamar Franco, quando governador de Minas Gerais, e agora com Aécio Neves, líder da oposição e senador da República, os mineiros tomam frente na luta por refundação da federação no Brasil. Por aí se vê que a tendência de concentração de renda nas mãos da União, em detrimento a estados e municípios, vem de longa data e não foi estancada.

O pior é perceber que os últimos governos, liderados pelo PT, tiveram momentos de recordes de aprovação popular e uma esmagadora maioria no Congresso Nacional. O que avalizava e tornava a renovação do pacto federativo em pauta de fácil aprovação.

Porém, o que se viu nos governos de Lula e Dilma foi um claro desinteresse em reposicionar estados e municípios dentro do bolo tributário. É esta inércia do governo federal que vem provocando a quebradeira das prefeituras municipais, como vem denunciado a oposição e o senador Aécio Neves.

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Uncategorized com as etiquetas , , , , , . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s