Gestão ineficiente: PT abandona o patrimônio histórico de Minas

Laboratório de gestão ineficiente: PT abandona o patrimônio histórico de Minas e não libera nenhum centavo do prometido PAC das Cidades Históricas

PT: gestão ineficiente

Entra semana, sai semana e em todas elas, um exemplo de como o PT faz de Minas Gerais o seu laboratório de gestão ineficiente. Desta vez, o golpe foi ainda mais fundo e atingiu o patrimônio histórico secular do Estado e a memória dos mineiros. Pactuado e assinado em 2009 pelo então presidente Lula, o PAC das Cidades Históricas não passou de mais uma falácia administrativa.

Dos R$ 254 milhões previstos, nenhum centavo foi aplicado pelo governo federal, conforme denúncia do presidente da Associação das Cidades Históricas de Minas Gerais (ACH-MG), Anderson Cabido, prefeito de Congonhas e que se desfilou do PT neste ano.

CLIQUE AQUI E LEIA MATÉRIA DO JORNAL ESTADO DE MINAS DESTA QUARTA-FEIRA COM A DENÚNCIA EM RELAÇÃO AO PAC DAS CIDADES HISTÓRICAS

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Uncategorized com as etiquetas , , , , . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s