Choque de Gestão de Aécio alavancou aviação regional



Choque de Gestão: Proaero investiu R$ 370 milhões na construção, modernização e ampliação de aeroportos no interior do Estado.

Choque de Gestão: gestão pública eficiente

Minas Gerais é o estado mais preparado para alavancar a aviação regional no Brasil graças aos avanços vindos do Choque de Gestão de Aécio Neves

Se alavancar a aviação regional parece um sonho da presidente Dilma Rousseff, em Minas Gerais, isso já é uma realidade desde a implantação do Choque de Gestão por Aécio Neves, em 2003, quando assumiu seu primeiro mandato como governador do Estado. Há dez anos, os mineiros já conheciam a necessidade de dotar o interior de Minas Gerais de aeroportos modernos e ágeis para funcionar como suporte ao desenvolvimento econômico e social dos municípios.

Um dos principais programas de modernização de infraestrutura anunciados por Aécio Neves no pacote do Choque de Gestão foi o ProAero – Programa Aeroportuário do Estado de Minas Gerais. A intenção era que toda cidade mineira tivesse, num raio de 100 quilômetros, um aeroporto capacitado para receber voos regulares. Como se vê, ao não estipular outro critério que não a universalização do acesso, o ProAero visava não apenas o crescimento econômico do interior do Estado, mas, principalmente, dar oportunidade de desenvolvimento social e reduzir as desigualdades regionais.

Desde então, por meio do ProAero, o Governo de Minas já investiu aproximadamente R$ 370 milhões na construção, modernização e ampliação de aeroportos no interior do Estado. Graças a este esforço, Minas Gerais possui hoje 93 terminais aeroportuários – 90 deles no interior do Estado -, sendo 14 deles com aviação comercial regular.

E graças a este pensamento de vanguarda do Governo de Minas – fruto do Choque de Gestão de Aécio Neves -, o governo federal e a presidente Dilma Rousseff não precisarão gastar muito tempo entre o sonho e a realidade, no que se refere a Minas Gerais. Exatamente por ser um estado que já possui um programa regular de modernização de aeroportos regionais – ProAero – há 10 anos, os investimentos federais em Minas serão menores, pois o grosso da elaboração de projetos, aportes e melhorias já foram efetuados pelo governo estadual.

Quando assistimos a notícia de que Minas Gerais será o estado com o maior número de aeroportos beneficiados pelo anunciado programa de modernização do governo federal – 33 ao todo -, não se pode ter falta de memória. É preciso lembrar que essa economia de tempo e dinheiro público se deve ao que já foi feito dentro do planejamento do Choque de Gestão de Aécio Neves.
Anúncios
Esta entrada foi publicada em Uncategorized com as etiquetas , , , , , . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s