Aécio Neves 2014: PT tenta colocar cabresto em Eduardo Campos

Aécio Neves: eleições 2014

Aécio Neves 2014: PT tenta colocar cabresto em Eduardo Campos, mas governador de Pernambuco não baixa a cabeça para Lula

O PT fará de tudo para tirar do caminho candidaturas de oposição como o projeto do PSDB Aécio Neves 2014”. Nos últimos dias, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva chegou até a tentar colocar um cabresto no governador de Pernambuco e presidente nacional do PSB, Eduardo Campos, para que este também não se aventurasse a se opor aos petistas. Lula recebeu foi um baita coice: “do projeto político do PSB para 2014, cuida o PSB”, teria dito um dos interlocutores de Campos.

Assim como tem feito em relação ao projeto tucano “Aécio Neves 2014”, o PT busca desqualificar qualquer possibilidade do PSB lançar o seu líder maior à Presidência da República. Lula e seus seguidores também temem uma união entre Campos e Aécio, amigos pessoais e grandes articuladores da reeleição do prefeito de Belo Horizonte, Marcio Lacerda (PSB).

Na verdade, Lula, como excelente articulador que é, sabe que as duas possibilidades (uma dupla candidatura em 2014 de Aécio Neves e Eduardo Campos ou uma chapa formada pelos dois) podem ser mortais para os planos de perpetuar o PT no poder. Mesmo porque, no campo administrativo, onde os petistas poderiam aproveitar a máquina pública que controlam, mostra-se pífio o desempenho da presidente Dilma Rousseff e candidata à reeleição no próximo ano.

“Não discuti 2014 com ninguém. Tudo que o Brasil não precisa agora é ficar montando palanque e chapa. Podemos ter em 2014 um ano melhor que 2013, mas primeiro precisamos ganhar 2013. O que precisamos montar agora é canteiro de obras, gerar empregos”, forte patada dada por Eduardo Campos na tentativa de Lula enquadrá-lo ao bel prazer do PT. O governador pernambucano sabe muito bem que a ineficiência administrativa da presidente Dilma é a ferida aberta nas próximas pretensões dos petistas e não poupa o dedo a cutucá-la.

Frente ao cabresto que o PT tenta oferecer ora ao PMDB, ora ao PSB, Eduardo Campos deixou uma sinalização preocupante para os petistas: trabalhem, pois só o resultado positivo disto será capaz de confrontar fortes candidaturas de oposição como a possível investida do PSB ou o projeto tucanoAécio Neves 2014”.

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Uncategorized com as etiquetas , , , , , . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s